POR QUE A MATEMÁTICA NÃO SERVE PARA O AMOR …

Na matemática existe o um, o dois e o três.

Não podemos transpor os números para a nossa existência. O dois pode ser mil na nossa relação com o tempo, com a sociedade e com as pessoas.

A matemática ensina que é possível encontrar o resultado exato se seguirmos corretamente todos os passos da equação.

Infelizmente, transpomos esse modelo para as nossas relações familiares e amorosas. Ou seja, a matemática nos ensina que a exatidão é possível – e a vida nos transmite o contrário.

Nós, ocidentais, sabemos muito de matemática e pouco de vida. É por isso que sofremos com nossas mazelas sociais, familiares e amorosas.

Na vida, pode não vir o dois, o três e o quatro depois do um. O que vamos fazer com isso?? É o que a psicanálise chama de subjetividade.

Evaristo Magalhães – Psicanalista
Atendimento por vídeo chamada pelo WhatsApp: 31 996171882
Instagram:@evaristo_psicanalista

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s