SERIA POSSÍVEL ALGUÉM EXISTIR SEM AMAR NINGUÉM?

Evaristo Magalhães – Psicanalista
Atendimento por vídeo chamada pelo WhatsApp: 31 996171882

Seria possível alguém existir sem amar ninguém? Entendemos que não. Daí, deduzimos a importância do amor das pessoas para a nossa existência.

Ninguém duvida de que o amor nos é tão fundamental quanto o ar que respiramos.

No entanto, sabemos o que é o ar – e não sabemos o que é o amor. Ou seja, reivindicamos do outro o que não sabemos – com precisão – o que estamos reinvindicando.

É por isso que entramos em pânico quando o amor não nos vem como gostaríamos. Em outras palavras, não ter o amor é como desaparecer do mundo.

Contudo, quando não podemos existir pelo amor do outro, para não desaparecermos, continuamos vinculados a ele, agora, não mais pelo amor, mas pelo ódio.

Desse modo, para não corrermos o risco de odiarmos, deveríamos existir sem o amor de ninguém. Ou, talvez, existir não levando tão ao pé da letra o amor que sentimos pelas pessoas.

Instagram:@evaristo_psicanalista

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s