POR QUE AS PESSOAS SURTAM POR AMOR?

Evaristo Magalhães – Psicanalista
Atendimento online: WhatsApp 31 996171882

Não podemos achar que descobrimos a felicidade quando estamos amando. O amor não é a nossa verdade. O amor é um recurso que utilizamos como fuga – inicialmente da solidão.

Desse modo, quando amamos, precisamos nos ver nesse amor. Em cada amante o amor está tamponando algo – dele – que é anterior a este amor. É esse algo que é preciso saber de que se trata.

Portanto, muitas pessoas amam é a si mesmas – e não o outro – quando estão amando. Tanto isso é verdade, que quase enlouquecem quando seus amores ameaçam de não mais ocuparem esse lugar de tampão de seus dramas existenciais.

Somos essa nebulosidade enigmática. É ela que nos perturba, angustia e revolta. É, em detrimento dela, que namoramos, trabalhamos e divertimos.

Ela nos acompanha em toda a nossa existência. Nunca nos livraremos dela. Desse modo, podemos perder tudo o que achamos que pode suprimí-la – inclusive o amor.

Portanto, só deveríamos amar depois de nos darmos conta do uso que estamos fazendo dos outros para resolver questões que são nossas.

O outro não pode ser – por mim – quem não sou. Não posso amar sem saber de mim. Não posso levar minhas loucuras para os meus relacionamentos.

Instagram:@evaristo_psicanalista

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s