QUAL A CURA PARA A ANGÚSTIA?

A angústia é o nada. O que é o nada? É quando começamos a perguntar pela origem de tudo: não chegaremos a lugar nenhum. Portanto, terminaremos angustiados.

A angústia é, então, o limite do pensamento.

Se pensar termina em angústia, qual a saída para a angústia? Agir, mover, viver e usufruir.

De que será que vive uma pessoa débil? Ela só pode viver de sentir.

O que faz viver uma criança que ainda não adentrou na linguagem? As sensações.

A angústia deveria nos servir para nos trazer de volta para um mundo que esquecemos, que deixamos para trás e que não valorizamos.

Insistimos em pensar sobre a angústia e mais angustiados ficamos.

A saída para as nossas angústias está tão próxima de nós, mas insistimos em buscá-la onde só afundaremos ainda mais nela.

Deveríamos voltar nosso pensar para o que temos de mais vivo em nós. Nossa atenção não deveria estar voltada para o pensamento do pensamento, para a palavra da palavra ou para o Deus de Deus. Não chegaremos a nada por essas trilhas.

Deveríamos voltar nossa atenção para o que nos faz estremecer, pulsar, suspirar, reverberar, contorcer, salivar, saborear, devorar e regozijar.

O que nos cura está grudado em nós, mas insistimos em procurar onde não estamos!

Evaristo Magalhães – Psicanalista

Instagram:@evaristo_psicanalista

Twitter:@evaristopsi

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s