NÃO QUEIRAM PADRONIZAR A MINHA EXISTÊNCIA …

Nascemos da mais profunda liberdade. Não sabemos de onde viemos e nem para onde vamos. Envelheceremos e morreremos. Estamos aqui de passagem.

Não somos iguais. Nenhuma religião é igual. Nenhum papa é igual.

Todos os humanos que por aqui passaram reagiram a seu modo frente à finitude. Basta observarmos as diversas linguagens e invenções numa tentativa de fazer com que a vida fizesse algum sentido. Nenhuma cultura repetiu a outra. Não existe um padrão.

Ninguém pode querer fazer com que respondamos à nossa existência assim ou assado. Não existe o ser. Existe o fazer.

Os impactos de não saber de si não é igual para todos. Muitos responderam sendo homens ou mulheres. Agora, a resposta pode ser outra. A resposta pode ser qualquer uma – com a condição de que o indivíduo não coloque sua vida em risco.

Se querem nos igualar, descubram a causa de nossas angústias. Daí, não precisaremos inventar mais nada para amenizar nossas loucuras.

Em contrapartida, seremos robotizados!

Evaristo Magalhães – Psicanalista

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s