POR QUE TODA BELEZA QUASE SEMPRE É TRISTE?

Achamos que a felicidade é ser bonito, inteligente e rico. Não é.

Quem disse que as celebridades não tomam antidepressivos? Quem disse que milionário não tem síndrome do pânico? Quem disse que intelectual não faz análise?

Quem muito quer a beleza não seria porque – no fundo – se sente feio? Ostentar a riqueza material não seria um modo de negação das misérias humanas? Mania de inteligência não seria sintoma do medo de ser esquecido?

A felicidade pela estética, pela acumulação e pela exibição é só um semblante da verdadeira felicidade. Logo todas essas máscaras cairão!

Qual a diferença entre procurar um psicanalista e procurar um cirurgião plástico, um consultor de negócios ou um intelectual?

No mundo real, vivemos de mentiras. Em contrapartida, sobre o divã, só podemos dizer de nós mesmos – que passamos a vida toda tentando camuflar com subterfúgios inócuos.

E quem somos? Na verdade, não-somos.

A felicidade é a humildade!

Evaristo Magalhães – Psicanalista

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s