TEM GENTE QUE ESQUECE QUE AMA QUANDO FICA NERVOSO …

Tem gente que esquece que ama quando fica nervoso. Vira bicho. O ódio sai puro. Brutal. Estúpido. Grosseiro.

O amor humaniza a raiva. Assusta menos quando o ódio vem entremeado pelo amor. Dói menos quando o ódio vem carregado de seu afeto contrário.

Nunca é bom só odiar. Parece surto. Descontrole. Selvageria.

Quem só odeia, de modo geral, é arrogante. Usa o ódio para intimidar o ódio do outro contra si. É narcisista. Não quer ser chamado a atenção. Acha que nunca erra.

Quem só odeia, perde de amadurecer e de crescer como pessoa quando, com seu ódio, neutraliza a sinceridade do outro.

Quem esquece que ama quando fica bravo, no fundo, diz com seu comportamento que quer ser tratado com melindres. Quer ser tratado pelas pessoas pisando em ovos. Não quer saber de ninguém porque só quer relações intimidadas.

A grande sabedoria da vida, talvez, esteja em dar conta de chamar a atenção sem detonar o outro. Saber dosar a raiva. Chamar a atenção para elevar o outro. Chamar a atenção e ao mesmo tempo dizendo de um certo sofrimento pela humanidade alheia. Não é subir nas tamancas sobre ninguém. Não é berrar, estrebuchar e esgoelar como se o próximo fosse a pior pessoa do mundo porque errou.

É quando mais estamos revoltados que mais precisamos da tolerância e da polidez.

O olhar silencioso do grupo sobre os nossos surtos pode estar dizendo do tamanho do nosso desequilíbrio emocional. O olhar alheio pode soar como muito cuidado com aquele louco ali.

O ideal seria nunca odiar. Nunca se defender pela raiva. Nunca usar o erro do outro para desfazer dele. Isto pode parecer sadismo.

Todo mundo erra. Todo mundo fala bobagem.

Quem agride, quando não deveria, é arrogante porque usa da sua agressividade para nunca ocupar o lugar do outro. É como se ele pudesse ser com todos quando ninguém pode ser com ele.

Quem só odeia, vive só porque todos só aproximam com a máscara do medo.

É importante refletir antes de discordar de alguém. Sinceridade demais pode não ser prudência. Só ganha com a falsidade quem acha que sabe tudo. Isto não é convivência. Isto é solidão.

Evaristo Magalhães – Psicanalista

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s