COMO DESCOBRIR O SENTIDO DA VIDA?

A religião tenta dizer de onde viemos e para onde vamos. A ciência tem lá as suas teorias. Portanto, acerca da nossa existência temos os religiosos, o cientistas e, em certa medida, os filósofos. Nada disso dá conta.

Sobrou quem? Nós mesmos.

Ninguém voltou para confirmar o que diz a fé. Não há um acordo científico sobre a nossa origem.

Desse modo, começamos onde termina a religião e a ciência.

A questão do sentido da vida é muito mais subjetiva que objetiva. Todo mundo precisa ser de alguma maneira. Temos que construir quem somos nesse vazio que ninguém sabe.

Somos com o que nos faz existir. Somos a partir do que nos faz continuar. Isto é de cada um.

A vida não é o começo e nem fim. A vida é processo.

Do menos ao mais intelectual, não há quem não tenha que alinhavar algo nesse vazio.

A salvação da humanidade começa com cada um.

Evaristo Magalhães – Psicanalista

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s