SOMOS MASCARADOS …

Angustiamos porque buscamos quem não somos: criamos máscaras. Queremos uma satisfação que não existe: vivemos de mentiras.

A felicidade não é o dinheiro. Não é o amor. Não é o guarda-roupas.

Estamos voltados para um mundo ansioso e angustiado. Vamos nos entupindo de farsas: mais maquiagem, mais sapatos e mais esconderijos.

Os bens materiais nos distanciam de quem somos. O que aconteceria se nos livrássemos de todas as nossas mentiras? O que restaria? O vazio e o silêncio.

Esta é a nossa verdade. O nada é sem angústia. O nada é sem ansiedade. A paz é vazia. A felicidade é sem palavras. No vácuo não é preciso perguntar de que se trata. O vazio é a minha liberdade.

Queremos saber quem somos. No entanto, estamos no caminho errado. Quem somos não está no que pensamos e no que acumulamos. Não existe pensamento definitivo sobre qualquer coisa. Não há o objeto da nossa falta. O pensar nunca é – e as coisas nunca são. Por isso, angustiamos tanto e somos tão ansiosos.

Nosso ser precisa ser descoberto onde pensar e acumular funcionam como fuga. Precisamos fazer o caminho inverso para onde somos, sem precisar provar quem somos pelo pensamos e temos.

Somos o vazio que tentamos suprimir com o insuprível.

 

Evaristo Magalhães – Psicanalista

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s