POR QUE NÃO GOSTO DE TERAPIA COGNITIVA COMPORTAMENTAL?

Nossos problemas psicológicos não advêm da forma como interpretamos as situações. Quem dera! Somos constituídos por questões que nenhuma interpretação pode tocar. Não basta detectarmos as crenças e os pensamentos que desenvolvemos sobre um evento qualquer. Há situações em que de nada adianta mudar a forma de pensar sobre si. Também, não resolve se questionar ou desenvolver estratégias. Envelhecer e morrer, por exemplo, não são pensamentos disfuncionais. Envelhecer e morrer são certezas que fogem à qualquer psicoeducação. Não adianta focar na alegria de viver como se fosse possível viver o tempo todo alegre. Sofrer pela perda de alguém que partiu, não pode – simplesmente – ser tomado como um problema de distorção cognitiva. Somos entrecortados por dilemas que nenhuma mudança comportamental é capaz de amenizar. Não resolve apenas mudar o padrão de comportamento ou reestruturar o paciente motivando- o com técnicas cognitivas. Somos atravessados por dramas que nenhuma terapia tem o que o dizer. Somos sem solução – no sentido de que tudo o que já foi inventado cessa diante disso. Isto é ruim? Não. É onde nada pode ser por nós que seremos quem somos. Como ser onde nada pode ser? Isso é de cada um.

Evaristo Magalhães – Psicanalista

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s