POR QUE NÃO ACREDITO EM HORÓSCOPO?

Não sabemos de onde viemos e nem para onde vamos. Tememos perder quem amamos. Às vezes somos tomados por pensamentos e sensações estranhas. Quantos não são ciumentos? Quantos não são possessivos? Quantos não são carentes? Quantos não são agressivos? Quantos não são autoritários? Quantos não são românticos? Quantos não são frios? O fato é que não existe resposta pronta para quem somos. Supostamente, o psicanalista sabe o que fazer com seus enigmas. Como não somos iguais em nossos mistérios, cabe a cada um roer o próprio osso do seu. É aí que mora a raiz problema: ninguém quer se haver com seus dilemas. Aprendemos a sempre esperar de alguém a solução sobre nós mesmos. Doce ilusão! Não é à toa o absurdo sucesso do mercado editorial de autoajuda no Brasil. Também, assusta a quantidade de terapias alternativas disponíveis. Fora o crescimento do mercado da fé. Mas, o mais curioso, é quando utilizamos a astrologia para naturalizarmos nossos desequilíbrios emocionais. Por ser do signo tal sou possessivo e ciumento. Por ser do signo tal sou carente, desatento, agressivo, distante. Ou seja, não sou eu quem sei de mim. Sou o que os astros me dizem ser. Assim fica muito fácil viver! Não me implico e nem me responsabilizo no que sinto. Também, não amadureço – uma vez que que fui predestinado pelo cosmos. É muito fatalismo. É muito vitimismo. É muita covardia.

Evaristo Magalhães – Psicanalista

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s