POR QUE FRACASSAMOS NO AMOR?

Nem consigo imaginar a quantidade de livros que já foram publicados sobre o amor. No entanto, mesmo com tantas teorias, fracassamos em muitos de nossos relacionamentos. Fracassamos, porque adoramos uma receitinha, um conselho ou um exemplo de como dar certo no amor. Fracassamos, porque acreditamos no poder das palavras. Fracassamos, porque acreditamos em teorias inventadas por outros. Somos racionais demais. Subestimamos a nossa capacidade de encontrar saídas por nós mesmos. Preferimos consumir pensamentos e testemunhos de amores que nunca existiram na vida real – nem mesmo para quem os inventou ou os testemunhou. Se fracassamos, é porque já tentamos de tudo. Ou seja, não há teoria cem por cento segura sobre o amor. Qualquer coisa que nos disserem, não dará certo. Para algumas coisas – especialmente aquelas ligadas aos sentimentos e ao sentido de viver – não existe religião, ciência ou filosofia que dê conta. Isto é ruim? Claro que não. Não fui eu quem inventei a religião, a ciência ou a filosofia. Nada disso é meu. Tudo isso me foi imposto. No entanto, repito a minha burrice, quando fracasso no amor e desembesto a buscar fora de mim algo que traga meu amor de volta. Não é fora de mim que aprenderei o que é o amor. Não é fora de mim que saberei quem sou. Na verdade, a vida nos faz fracassar, exatamente, para termos a oportunidade de rompermos com tudo o que inventaram de nós e nos reinventarmos, agora, por nós mesmos. É por isso que o poeta não sofre por amor. Ele tem o incrível poder de jogar toda a sua angústia em um poema. Precisamos saber-fazer com o que não sabemos. Precisamos nos reinventar sobre o que não há qualquer invenção. Vale qualquer coisa, com a condição de que não seja sofrer ou continuar repetindo o mesmo sofrimento.

Evaristo Magalhães – Psicanalista

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s