A FELICIDADE É HUMILDE …

A questão é quando confundimos o que podemos com o que não podemos. A questão é quando confundimos – por exemplo – juventude com eterna juventude.

Precisamos separar o que podemos do que não podemos. Todo arrogante confunde poder com não-poder. Todo humilde sabe reconhecer a diferença entre sim e não.

O que não podemos é de fundamental importância para lidarmos com o que podemos. Podemos com muito do que está no tempo. Não podemos é ir contra o tempo. Tudo o que nos é possível será tomado de volta. O tempo reina absoluto. Nada podemos contra ele.

É certo que perderemos. Nenhum poder sairá vitorioso. No final, tudo o que fomos será em vão.

Ninguém é pleno. Na verdade, ja estamos deixando de ser a cada segundo. A felicidade é a humildade.

Evaristo Magalhães – Psicanalista

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s