É POSSÍVEL – SIM – VIVER MENOS ANGUSTIADO …

Os antropólogos afirmam que teríamos permanecidos na condição de animais se não tivéssemos herdados a linguagem.

Será que só somos instinto ou razão? Será que se deixássemos de pensar – necessariamente – voltaríamos para o mundo da natureza? Será que não existe mais nada entre biológico e o mental?

Não creio que a coisa possa ser resumida à compreender ou enlouquecer – mesmo porque estaríamos todos loucos, uma vez que nenhuma filosofia, até hoje, conseguiu encontrar qualquer resposta para as nossas questões mais urgentes.

O fato é que podemos ser para além do psíquico e do orgânico. Ou seja, entre pensar e surtar, podemos sentir e intuir.

Não precisamos desesperar para o que foge dos nossos conceitos. O misterioso pode não ser assim tão ameaçador. Não devo entrar em pânico por não saber. Bonito não é só o que tem conteúdo intelectual ou físico. Belo não é só o que parece bem explicadinho.

O nada pode ser maravilhoso – por que não? Quem disse que não posso gostar do que não controlo? Quem disse que precisa ter sentido para fazer sentido? Quem disse que preciso explicar para me fazer compreender? Quem disse que não posso amar meus vazios?

No universo há muito mais espaços de silêncio que de palavras.

Sofremos, porque só sabemos amar o saber. O próprio saber não nos ensinou a amar o não-saber. Só sabemos lidar com o adverso como um inimigo a ser derrotado.

E se mudássemos nosso olhar para tudo o que mais tememos? E se descobríssemos prazer no vazio? E se deixássemos o pensar só para a hora de pensar? Não dormiríamos melhor? Não ficaríamos menos ansiosos ou angustiados? Não viveríamos com um pouco mais de paz? Penso que sim.

Evaristo Magalhães – Psicanalista

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s