POR QUE QUESTIONO ESSE NOSSO CAPITALISMO SELVAGEM?

O capitalismo vê o desempregado como um empreendedor em busca de uma oportunidade. Para o capitalismo, há emprego – sim – para todos. Quem não trabalha é vagabundo e só passa fome quem quer. Para os anti-capitalistas, as coisas não são bem assim. Ou seja, precisamos discutir se há realmente emprego, qual emprego, em quais condições, salário, participação nos lucros, jornada de trabalho, férias, direitos trabalhistas etc. Precisamos discutir se podemos chamar de empregado alguém que trabalha – quando há trabalho – o mês inteiro para receber um salário que mal dá para a sua sobrevivência física. Precisamos discutir quem produz e quem fica com a riqueza. Precisamos discutir se é justo ou não os lucros exorbitantes dos donos do capital. Precisamos discutir a impossibilidade pelos próprios trabalhadores de acessar os bens que eles mesmos produzem. Ou seja, no capitalismo, não podemos propalar que está tudo ótimo com o capital e que a miséria é um problema de incompetência do desempregado para conseguir trabalho. Tanto não tem trabalho para todos ou as condições de trabalho são sub-humanas, que muitos são forçados à informalidade, ao roubo ou ao tráfico de drogas. Não podemos lavar as mãos dos ricos na violência social. Precisamos implicar a concentração da riqueza na desigualdade social. Basta tomarmos a história dos países que conseguiram construir um capitalismo menos desumano. Infelizmente, no Brasil, em pleno século XXI, ainda é tido por comunista quem luta pela Reforma Agrária.

Evaristo Magalhães – Psicanalista

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s