VOCÊ SE OUVE?

Venho descobrindo que minha mente possui outros ruídos para além de pensar. Descobri que trago o som do universo em mim. Se atento só para os meus pensamentos, quase enlouqueço. De fato, não consigo me fazer parar de pensar: pode me acontecer de pensar em várias coisas ao mesmo tempo. Encontrei um jeito de me livrar dessa tortura. Descobri que sou portador de outras sonoridades. São sons que tenho e que não possuem qualquer sentido: são apenas sons. Creio serem os mesmos que os animais, plantas e planetas – se é que eles têm ouvidos – escutam. São ruídos que carrego. São sons meus. São barulhos que só posso escutar, observar e contemplar. Ocorre, que me perco de tudo quando me entrego a eles. Ocorre, que esqueço de tudo quando estou diante deles. É um outro EU de mim: um eu feito de reverberações pelo fato de que estou vivo. Se me olho, sempre encontro algo que não gosto. Se me penso, não consigo estancar meu pensamento – mesmo porque pensamento não tem fim. Se me ouço, me acalmo – porque meus sons são a minha verdade. Meus sons não possuem duplo sentido. Meus sons – simplesmente – são: sem gosto, sem feiura ou beleza, cor, tamanho ou peso. Meus sons sou EU na minha mais absoluta pureza.

Evaristo Magalhães – Psicanalista

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s