POR QUE TANTO ÓDIO NO MUNDO?

Aprendemos que quanto mais educada fosse a civilização, menos violenta ela seria. Porém, já ouvi dizer que Hittler escutava música clássica enquanto milhares de judeus eram assassinados nos campos de concentração nazistas. Bolsonaro tem diploma de graduação em psicologia. Portanto, não é pela inteligência que conteremos o ódio humano. Tendo a concordar com a psicanálise, quando postula que nossa ira contra nós mesmos e contra o outro, advém do fato de não sabermos de onde viemos e nem para onde vamos, advém do fato de que vamos envelhecer, perder quem muito amamos e do fato de que vamos morrer. Desse modo, a raiva humana é uma criação da nossa própria inteligência. Se não fizéssemos certas perguntas, ao que tudo indica, não ficaríamos revoltados por não obtermos as respostas que tanto gostaríamos. Nesse sentido, é pelo que nos falta em nossas filosofias, ciências e religiões ocidentais, que iremos de encontro ao que de mais bonito o oriente milenar conseguiu produzir. Creio que odiaríamos menos, na medida em que lidássemos melhor com isso que nossa civilização vive se debatendo em vão. Faríamos menos mal a nós mesmos e ao outro quando tomássemos o que enxergamos como perda, como algo que é parte do fluxo natural da vida. É óbvio que quando digo isso, estou tratando – especificamente – da relação da nossa ira com as nossas questões existenciais mais radicais. Diferentemente, as pessoas que se revoltam porque são miseráveis ou estão passando fome, entram na categoria do ódio justificável.

Evaristo Magalhães – Psicanalista

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s