POR QUE AS PESSOAS ESTÃO PIRANDO?

Qualquer coisa pode nos enlouquecer. O critério de sanidade é tentar diversificar os lugares, as pessoas, as ideias e sem enlouquecer por nenhuma delas. Podemos, por exemplo, pirar pela religião. Dizem que não conseguimos o milagre porque não oramos o suficiente. Qual o limite da fé? Tem limite? Não. Do mesmo modo o amor. Quantos não se matam por uma grande paixão? Tudo pode ser muito arriscado para a nossa saúde mental. Não conseguimos, sequer, estabelecer um limite para a nossa relação com a comida. Quantos não morrem por comerem compulsivamente? Quantos não comprometem tudo o que têm com seus cartões de crédito? Tudo pode nos enlouquecer. O que vai determinar a nossa normalidade é a capacidade que temos de investir a nossa energia psíquica em um número, cada vez maior, de coisas, pessoas, situações e pensamentos. Quanto mais diversificarmos, mais equilibrados seremos. Nosso mundo está meio ensandecido porque, parece, que perdemos a medida. Crianças estão pirando debruçadas sobre seus dispositivos tecnológicos. Pouco brincamos. Pouco experimentamos. Pouco criamos. Estamos completos – o tempo todo – em uma só coisa. Ocorre que a vida é muito mais do que qualquer solução que inventamos para ela. A vida, inclusive, nos coloca diante do que nada supre. Precisamos diversificar nosso prazer de viver, também, para isso que nenhum prazer de viver consegue tamponar.

Evaristo Magalhães – Psicanalista

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s