NINGUÉM DEVERIA MORRER POR AMOR

Não consigo entender como alguém é capaz de dar fim à própria vida por amor a outrem? Como é possível alguém reduzir o mundo a um único ponto do mundo? Como é possível alguém enxergar apenas uma coisa em uma imensidão de coisas? O mundo é muito amplo para nos sentirmos incompletos ao perdermos alguém. A natureza nos foi muito generosa ao nos oferecer uma extensão de belezas para não sofrermos na falta de qualquer beleza. Quem sofre por amor é mesmo uma pessoa muito doente. Como alguém pode deixar de gozar de tamanha grandiosidade para focar todo o seu gozo em um único ponto dessa grandiosidade? Quem sofre por amor, sofre da incapacidade de abrir a janela, de andar, olhar para o lado, cheirar novos cheiros, saborear outros gostos, tocar outros corpos, beijar outras bocas, enfim, sofre da incapacidade de dar liberdade aos seus próprios olhos. Não entendo como alguém pode esquecer do mundo para lembrar de apenas uma parte pequena desse mundo? O mundo é muito grande: não viemos aqui para sofrer. Há infinitas possibilidades. O mundo não é composto só de pessoas. Quem disse que só a presença de alguém pode ser a minha felicidade? Não devo sofrer quando alguém me falta. Na falta do outro, não devo esvaziar meu toque, meu paladar, minha visão, minha audição e meu olfato. Na falta do outro, devo me abrir para novos experimentos. Sofre quem escraviza tudo de si por um único amor. Não deixo de sentir quando não tenho mais ninguém para sentir. Na falta de alguém, abro-me para mim e para o mundo e me dou conta de que – no fundo – posso ser muito mais completo que a completude que pensava ter.

Evaristo Magalhães – Psicanalista

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s