SOBRE PESSOAS NEGATIVAS …

Não adianta dizer que certas coisas são negativas. Isto não vai resolver. Na verdade, as coisas não são negativas – porque as coisas não têm sentimentos. O sentimento é de quem o sente. As coisas não nasceram nomeadas. Nós é que saímos nomeando tudo.

A questão é que alienaram o nosso modo de ver a vida. Disseram-nos que certas coisas são positivas e outras – nem tanto. Para as coisas não tão alegres criaram antídotos. Disseram-nos da possibilidade de uma vida purificada de contradições. Doce ilusão! Subestimaram-nos a existência do desagradável – mesmo sabendo da impossibilidade de desconexão entre os opostos.

Portanto, não somos só isso ou só aquilo. Somos tudo: feio e bonito, alegre e triste, jovem e velho, negativo e positivo.

Ninguém é cem por cento nada. Ganham com a nossa ilusão de que podemos ser só isto ou só aquilo. Mente que se diz otimista o tempo todo. Pode acontecer do outro que tomo por negativo, no fundo, ser eu.

Se fôssemos mais auto-tolerantes, possivelmente, não nos sentiríamos tão impactados com a presença dos opostos. Morreríamos de solidão se só quiséssemos conviver com gente auto-astral.

A felicidade pura é um delírio. A vida seria muito mais leve se não a tomássemos como uma equação matemática.

Não existe a menor possibilidade de eliminarmos o negativo de nossas vidas. Falta-nos autoconhecimento para deixarmos de projetar nos outros o que desconhecemos em nós mesmos. Somos – também – o que não gostaríamos. Mais tolerância para conosco. Mais tolerância para com o outro.

Evaristo Magalhães – Psicanalista

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s