VOCÊ SOMATIZA SEUS PROBLEMAS PSICOLÓGICOS?

Temos emoções que não gostaríamos de sentir. Temos pensamentos gostaríamos que nunca passassem pela nossa cabeça. Vemos coisas estranhas. Escutamos barulhos esquisitos. Gostaríamos de nos manter distantes dessas coisas que nos perturbam. Muitos não suportam e surtam. Outros desistem de tudo. Uma saída, muito comum, é jogarmos tudo no corpo na forma de doença. Pode acontecer de preferirmos uma enxaqueca no lugar de um sentimento que não suportamos. Um obeso extremo pode preferir passar a vida toda comendo para anestesiar o que não suporta mentalmente. Uma pessoa pode passar o dia todo limpando a casa, buscando, com isto, se limpar de sentimentos tidos como vis. Conheci uma pessoa que passou a se cortar tentando conter a loucura por ter perdido um grande amor. Há quem não dorme para não perder o controle de si. Há quem se entope de medicamento quando tudo o que já fez não é suficiente para conter seus medos. Há os compradores compulsivos que necessitam da sensação de que nada lhes falta. Há quem fique o tempo todo tenso e ansioso como se estivesse para ser atacado a qualquer momento. Há quem prefere permanecer imóvel sobre uma cama dentro de um quarto escuro. Jogar no corpo na forma de doença, é revelador da nossa incapacidade de resolver nossas perturbações psiquicamente. Levamos para o corpo, quando esgotamos tudo do nosso psicológico. As perturbações não são as mesmas para todos. O drama é de cada um. Ninguém sente igual. Não deveríamos passar da mente para o corpo na forma de doença. Não deveríamos resolver o mau pelo mau. O psíquico não tem limite: o limite do psíquico é a capacidade do próprio psíquico de ir se reinventando pela vida.

Evaristo Magalhães – Psicanalista

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s