POR QUE DEVERÍAMOS CONSULTAR UM PSICANALISTA?

Imagina uma situação que poderia nos levar à loucura: a traição de um grande amor, a perda de um familiar muito querido ou a demissão injustificada de um trabalho que estaríamos adorando desenvolver.

Essas situações não abalariam – por completo – a estrutura psíquica de qualquer pessoa?

No cotidiano, reagir com surto pode nos levar direto para o hospital psiquiátrico ou para a prisão – fora a mancha que ficaria encrostada em nossa moralidade e em nosso emocional.

De certa maneira, todas as queixas que aparecem nos divãs estão relacionadas com essas questões. As pessoas nos procuram, geralmente, porque estão no ponto de fazerem uma besteira – uma vez que não estão sabendo lidar com situações desse tipo em suas vidas. O diferencial do que acontece na vida para o que acontece nos divãs, é que, nestes últimos, o psicanalista nos coloca no limite de nossos amores, de nossos vínculos familiares e de nossas expectativas profissionais.

A diferença é que lá fora enlouqueceríamos e, em uma análise, isso não aconteceria. Por que? Supostamente, nosso psicanalista já possuiria essas questões resolvidas em si. Ou seja, ele já saberia o que fazer com isso.

É óbvio que não existe solução universal para nossos traumas. Todo trauma é vivenciado de modo – absolutamente – singular. No entanto, o analista, nesse contexto, seria a prova viva de que é possível um saber-fazer com as perdas e as dores de existir.

O bom de procurar uma análise, é que o psicanalista nos acompanha em nosso saber-fazer com nossas questões-limites. Se, para ele, é possível, por que não nos seria?

Resta saber o que preferimos: descobrir nosso modo próprio de lidar com nossas questões ou ficarmos à deriva de nossos impulsos pondo em risco nossa sanidade mental, nossas vidas e a vida dos outros.
Evaristo Magalhães – Psicanalista

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s