O QUE É SER NORMAL?

Tendemos a definir como normal aquela pessoa – supostamente – bem adaptada aos ditames da sociedade na qual ela está inserida. Quase como se o mundo tivesse o poder de nos cobrir por inteiro. Não é assim. Olhamos para nós mesmos e nos definimos pelo somos e pelo que temos. Ocorre que há um resto que sobra da tradução de quem somos em conceito. É esse resto que enlouquece tanta gente. Desse modo, não basta assumirmo-nos pelo somos. Temos – também – que prestar contas com quem não somos. Isso independe de raça, gênero, posição social ou condição sexual. Envelheceremos e morreremos. Somos tomados por emoções que – quase sempre – não sabemos o que fazer. Isso é igual para todo mundo. Louco é quem acredita em conceitos, doutrinas e ideologias – uma vez que tais artefatos não tocam – de fato – em quem somos de verdade. Louco é quem acredita na eterna juventude. Louco é quem acredita na vida após a morte. Normal é quem não se acovarda diante das certezas da vida. Normal é quem consegue se arranjar com seus enigmas. Normal é que não se aliena nas ilusões da cultura. Normal é quem consegue carregar pela vida isso que ninguém sabe direito o que é. 
Evaristo Magalhães – Psicanalista

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s