COMO SOBREVIVER EM UMA SOCIEDADE COMPLETAMENTE INDIVIDUALISTA?

É o olhar do outro que nos tira dos nossos fantasmas e nos coloca dentro da realidade. Sem o olhar do outro, perdemos o chão: ficamos sem saber quem somos e entramos em um vácuo de dúvidas sobre nós mesmos. Esse outro pode ser um amigo, um professor, uma família, um país, uma justiça, um Deus ou o mundo. Enfim, são as minhas referências. Posso entrar em pânico na medida em que esse outro deixa de existir para mim. Na sua ausência, mergulho em uma quadro de ansiedade à procura de nem sei o quê. Na sua falta, posso cair no nada da mais pura angústia. Ninguém está cem por cento seguro – ainda com a presença desse outro. Contudo, ainda quando ele faltava, podíamos contar com seu corpo enquanto um olhar carinhoso, um abraço apertado e um ombro amigo. Não existe mais esse outro simbólico ou físico. O mundo está completamente individualista. Isso que ele nos supria, escancarou. Deus não me diz mais o que será de mim. O mundo está todo ao contrário. A justiça foi instrumentalizada por interesses privados. A falta virou uma bolha. Estamos como um saco vazio. Sobreviverá quem conseguir integrar em seu existir isso que não se contava. Ficou muito mais difícil encontrar – ao menos – uma cordinha para amarrar a boca desse saco para que ele fique em pé. As pessoas não conversam mais entre si. As pessoas não se tocam mais com humanidade. Ninguém tem paciência de escutar. Na ausência da palavra, as pessoas estão agindo. O trabalho da psicanálise – hoje – é acompanhar essa ação. Estamos trabalhando na expectativa de que as pessoas ajam bem para com elas mesmas e para com os outros.
Evaristo Magalhães – Psicanalista

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s