O QUE OS LOUCOS NOS ENSINAM DE BOM?

A mudança na visão do louco mudou para melhor nosso modo de conduzir a vida. A loucura é – talvez – a mais antiga das transgressões. Nenhuma organização social conseguiu controlá-la. A loucura não quer saber. É a mais absoluta das verdades. O louco vive como sente. O louco não tem contrários. O louco não finge. É outra linguagem. É outra forma de viver. O louco desloca, apaga e rasura o próprio existir. A grande maioria dos loucos não fazem mal e não se fazem mal. Os loucos só são um risco quando impedidos de viver suas loucuras. O louco é o que gostaríamos e não damos conta. São os únicos que conseguem viver ditados por seus corpos. Não possuem dois mundos. São literais e litorais. Os loucos só escutam a si. Só escutam uma letrinha. É o que os inclui no mundo. Não é a palavra que dita o corpo do louco. O louco escuta seu corpo literalmente. Os loucos exploram tudo do sem sentido. Não procuram no externo suas conduções. São materialmente sensitivos. Os loucos vivem o que mortificamos. Gozam do que deixamos para trás. Gozam dos nossos dejetos existenciais. São a felicidade que tanto tememos. Resgatam nossa desrazão. São criancinhas desavergonhadas. Estão no tempo da língua do corpo. São intuitivos, sensitivos e telepáticos. São puros. Infelizmente, perdemos a nossa loucura. Pagamos um preço alto por isso. Contudo, nossos loucos venceram. Não é possível conter a loucura. Hoje, perguntamos: o que é ser normal? Não existe mais o normal. Felizmente, parece que agora podemos ser. Não é a razão que prepondera. O mundo virou uma loucura ordinária. Muitos trabalham e são loucos. Muitos estudam e são loucos. Aprendemos a loucura sem desordem. Incluímos a loucura no diverso. Quem quiser pode experimentar a sua loucura – com a condição de não colocar em risco a liberdade de ser louco. Ou seja, a loucura é o limite.

Evaristo Magalhães – Psicanalista

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s