POR QUE NÃO GOZAR?

Os dramas são os mesmos desde que o homem tomou ciência de sua mortalidade. As histéricas de Freud foram fundamentais pra gente entender o que fazer com a angústia de morte. Elas descobriram o corpo como um meio de contenção dessa dor. Pena que foi pelo caminho do sofrimento. Muitas ficavam cegas, paralisadas, afônicas ou loucas. De todo modo, faziam de seus sintomas um gozo – na medida em que se protegiam de algo ainda muito pior que isso. Se as histéricas de Freud gozavam com a dor para aliviar uma dor ainda maior, porque não podemos gozar da dor só gozando e não sofrendo? Esse nosso corpo nos revela algo – de fato – mais que desesperador. Contudo, ele nos revela – também – algo um tanto encantador, intenso, prazeroso, excitante e maravilhoso. Por que então querer seguir por caminhos tão estranhos?Evaristo Magalhães – Psicanalista

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s