MUITO CUIDADO AO PENETRAR UMA MULHER…

Não penetramos apenas com o pênis. Não tocamos apenas com as mãos. Não beijamos apenas com a boca. No caso de penetrar, o que vale não é o tamanho, a espessura, a rigidez ou a força. Não é só a pegada que dá prazer. Não é só a duração que excita. Não é a alternância que traz a volúpia. Não é o tempo que prova a virilidade. De nada adianta penetrar sem libido. É o afeto que enche o órgão de tesão, que dá vida e que determina a medida da penetração. Quando se tem desejo, tudo funciona bem – e nem é necessário muita prática. O sexo é o dentro e o fora em uma mesma sintonia. Não basta enrijecer o órgão. Não é de biologia que estamos tratando. De nada adianta um pênis ereto e sustentado por um corpo autômato. Não é de técnica que estamos falando. Não é de mecânica que estamos nos referindo. Quem não sabe diferenciar uma transa afetuosa de um sexo desafectado?! Todo mundo sabe diferenciar muito bem a delicia de um corpo excitado da frustração de um corpo frígido. É o sentimento que tesa. Qualquer pessoa – minimamente inteligente e sensível – consegue perceber quando está ou não afetando e sendo afetada por alguém. Nenhuma penetração pode prescindir do frisson de quem penetra. É possível saber – logo nas preliminares – se o desfecho vai valer ou não a pena. O afeto tem que chegar junto. A penetração só é satisfatória se o olhar, a boca, a língua e as mãos, enfim, se todo o corpo penetrar junto. Toda penetração só enlouquece quando chega pulsante. A mulher só se deixará penetrar quando seu penetrante vier inteiro para dentro dela. Sem o afeto, penetramos só para descarregar. Sem o afeto, gozamos e corremos para o chuveiro. Sem o afeto, mandamos logo para o primeiro ponto de táxi. Sem o afeto, quase nada acontece. Sabe aquele mulherão que nunca não abre mão daquele seu companheiro completamente fora dos padrões de beleza? É por isso que o cadeirante faz o maior sucesso com a sua namorada: ele pode não ter mais ereção – o que não significa que ele deixou de pulsar de afeto. Fique bem atento: só vá para a cama com alguém que te queira transbordando de prazer. Sexo não é só corpo. Sexo é corpo, alma, sensibilidade, inteligência, vontade e virilidade juntos.

Evaristo Magalhães – Psicanalista

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s