POR QUE NÃO PODEMOS COMEÇAR FALANDO DO NOSSO TESÃO PELO OUTRO?

Por que não começar pelo sexo? Por que primeiro a palavra e depois o desejo? Por que a extimidade e depois a intimidade? Por que não começar pelo tesão? Por que não começar pelo corpo? Por que não começar transando?

Ao iniciarmos uma relação, em geral, começamos falando o que fazemos profissionalmente e do que gostamos socialmente. Começamos fazendo graça e contando piadas. Começamos falando de política, filosofia, ciência e religião. Começamos apresentando a família, parentes e amigos.

Por que temos que começar pelo abstrato para, em seguida, chegar no concreto?

Por que o blá-blá-blá tem que preceder a ação? Por que o fazer tem que esperar para ser dito? Por que temos que resguardar o sexual do cultural?

Quem disse que algumas coisas podem ser ditas e outras não? Por que tenho sempre que insinuar o que estou sentido? Por que posso escancarar minha imagem e tenho que esconder meu sexo?

Quem disse que tenho que descarregar meu tesão na solidão do meu banheiro? Por que não posso começar falando da minha excitação pelo outro? Por que não posso conhecer uma pessoa dizendo logo da minha fissura por ela?

Quem hierarquizou quais assuntos podemos falar e quais assuntos não podemos falar? Quem disse que é vulgar falar de sexo?

Nós, ocidentais, excluímos o corpo. Falamos de tudo, menos do que físico. Nossa língua se diz tão completa que não deixa espaço para que incluamos algo disso que nos é tão natural: nosso tesão.

Sexualidade recalcada gera sexualidade pervertida. Violentamos quando não falamos.Precisamos trazer o sexo para a palavra – sem determinar o que tem que ser dito primeiro.

Não deveria ser constrangedor uma cantada bem dada. O tesão deveria ser tão importante quanto as ideias e quanto a estética.

Quantos – mesmo sentindo tesão – não ficam agressivos apenas porque foram abordados por um desejo sincero?!

É uma pena que ainda sejamos tão hipócritas com isso que é tão gostoso em nós: o sexo!

Evaristo Magalhães – Psicanalista

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s