O QUE É MAIS DOLOROSO NO AMOR?

O que é mais doloroso no amor? Não poder ter exclusividade no amor de ninguém. Por isso, muitos preferem pagar um profissional do sexo ou comprar uma companhia com presentes e viagens. Há os covardes que usam o recurso da violência e da chantagem.

Não é fácil amar pela via da palavra.

A palavra não pode ser comprada ou imposta. A palavra tem que ser consentida.

Nunca sabemos ao certo o que dizer. Sempre duvidamos de que o outro esteja falando a verdade. É impossível prever o que outro vai falar daqui a pouco.

Tudo pode acontecer no amor. O outro é livre para pensar e viver outros amores para além de nós mesmos. Na palavra, o amor nunca vem como gostaríamos. Muito pelo contrário, o amor que queremos sempre depende do querer do outro. Pode ocorrer de não sermos o amor de quem mais gostaríamos.

A palavra – ao contrário do dinheiro e da violência – é feita de furos.

Temos que nos contentar em amar apenas um amor de momentos. Temos que nos contentar com um amor que varia de intensidade, que pode ser trocado ou acabar a qualquer momento.

Somos falantes. No amor, nada é exato. No campo da fala tudo é uma construção porque a verdade não existe. Qualquer fala é feita de uma infinidade de atravessamentos. No amor de palavras, o amor nunca é só amor,

Evaristo Magalhães – Psicanalista

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s