A PIOR SOLIDÃO…

A pior solidão não é aquela da ausência das pessoas. Não é aquela da luz apagada. Não é aquela da televisão desligada. A pior solidão é aquela onde cessa todo saber. É quando nos deparamos com o que não tem sentido: ficamos paralisados. Não conseguimos expressar o que estamos sentindo. É uma solidão só nossa. Não sabemos o que colocar ali para aliviar nosso medo. É o opaco. Não tem nome. Não tem forma. Não sabemos como resolver. Ela rompe o nosso ser. Supera nossas forças. Não adianta gritar. Não adianta descabelar. Não adianta se drogar. Ela não tem nome próprio. É uma coisa. Não existe a coisa da coisa. Ela é um isso. É um sintoma. Não tem começo. Não tem meio. Não tem fim. Está por todos os lados. Não temos alternativa: temos que nos arranjar com ela. Como? É de cada um.

Evaristo Magalhães – Psicanalista

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s