O PONTO DE VISTA DO OUTRO …

Você pode e deve levar em conta ponto de vista do outro – o que é até relativamente fácil. Dificil é se colocar no ponto de vista do outro que habita em você. Há um outro em mim que me olha. Há um outro em mim que me perturba. Que outro é esse? O meu outro limitado. Aquele que não sabe tudo. O outro de mim que está envelhecendo. O meu outro mortal. O outro que deixa em mim uma saudade dos meus amados que partiram. O outro de mim que invade o meu sono e que me faz entrar em pânico. O outro de mim que deixa meu peito contraído. O meu outro humano. Parece que nossos políticos não querem saber dele. Parece que nossas celebridades pensam passar ilesas por ele. Nossos muito ricos o ignoram com suas ostentações desnecessárias. Não há nada que resista a ele. Não há outro depois dele. Ele é o fim. Toda arrogância terá que se curvar a ele. Ele está depois de tudo que temos e somos. Ele é o nosso NADA. Seu nome é doçura. Seu nome é humildade …

Evaristo Magalhães – Psicanalista

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s