QUAL O LUGAR DO PSICANALISTA NO MUNDO?

O psicanalista silencia para que o cliente escute seu próprio silêncio. Do lado de fora do consultório, o excesso impede esse exercício. E quando esse excesso blefa? Outro excesso – agora silencioso – vem à tona. Procuramos um psicanalista quando não estamos dando conta de nos escutar. Fazemos isso para não fazer aquilo. Viemos para cá para não ir para lá. Para onde não queremos ir? Nada é absoluto. Tudo tem um detrás. Toda a existência guarda um obscuro. Há um OUTRO nosso de que nada sabemos. Que nome damos à ele? Medonho? Que solução damos? Fuja. De fato, ele não tem solução. As palavras estão no seu oposto. Contudo, não adianta fugir. Ele existe, queiramos ou não. Temos que nos arranjar com ele. Como? Tarefa individual…

Evaristo Magalhães – Psicanalista

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s