ACHO que não APAIXONO nunca mais.

Não existe nada capaz de suprir nossa solidão. Não existe objeto capaz de responder às nossas questões. Não podemos colocar pessoas no lugar onde elas mesmas desconhecem para si. Não posso querer do outro o que ele sequer possui para si. Não posso sentir raiva por nunca ter o que busco. Tenho que aprender a lidar com o fantasma de nunca ter tudo. Preciso continuar lutando, amando, e ciente de que a vida é muito mais complexa que as soluções que invento pra ela. Há um universo enigmático bem mais profundo que minhas crenças. Podemos obrigar a natureza  a responder o que queremos. Contudo, aquele que escolhemos para ser a pessoa mais importante de nossas vidas – em algum momento – dará sinais de que não pode ser o objeto das nossas demandas de amor. A realidade sempre vem à tona para quebrar nossas ilusões. Temos que dar conta de amar com limites. Gostaríamos de não preocupar. Seria ótimo não temer. Buscamos uma pessoa que não nos angustie. Impossível! Em algum momento, o outro sinalizará que não somos a resposta que ele esperava. Toda conversa termina em silêncio. Todo encontro tem seu fim. Tudo possui data de validade. Temos que amar – apesar disso. A questão é o que fazer quando a vida  nos joga nesse vazio? O que fazer quando o outro vira para o lado? O que fazer quando o outro prefere ficar off line? O que fazer quando deixamos de ser interessantes para? O que fazer com a solidão? O que fazer quando só nos resta o osso? Temos que roe-lo. Só depois dele bem carcumido é que estaremos preparados para amar de novo …

Evaristo Magalhães – Psicanalista

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s