Por que estamos mais INTOLERANTES?

Tolerância é a palavra da vez. Virtude mais que urgente neste momento. Tem a ver com um mundo que ficou pequeno do dia para a noite. Um mundo feito de pessoas conectadas e de notícias em tempo real. Um mundo onde tudo parece muito perto. Há décadas atrás era, quase impossível, que as diferenças causassem tantos estragos. Vivíamos em um mundo mais regulado e mais constante. Quanto mais próximos ficamos – mais nossas diferenças se acentuam. Quanto maior a intimidade – maior a necessidade de tolerância. Esta é quase uma lei. O que devemos tolerar? O diverso. A maldade não é diversa. Diversidade é a igualdade na diferença. O respeito à dignidade e à liberdade são condições de possibilidade para a vida em sociedade. O direito à violência cabe apenas para os casos de legítima defesa. Deve-se sempre atentar para resolver de outro modo. Tem que ser possível resolver de outra maneira. Tolerar tudo não é tolerância. Não podemos tolerar o mau – sob o risco do fim da tolerância. Tolerância visa à preservação das diferenças. Agir com violência é eliminar a pluralidade. Temos que defender a tolerância da intolerância. Devemos exercitar o diálogo. Nada pode prescindir de reflexão e de debate. Fundamental sempre levar em conta algum sentido. É fundamental enxergar o oposto apenas como mais um contraponto. O excesso de emoção pode obnubilar o lado positivo da contradição. A tolerância é necessária – especialmente – quando esgotadas todas as possibilidades racionais. A tolerância começa onde termina o diálogo.

Evaristo Magalhaes – Psicanalista

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s